A mulher faz tudo   

                                                                                                                                                          Acordava ainda no escuro, como se ouvisse o sol chegando atrás das beiradas da noite. Anna começava a trabalhar, fazia o almoço, eu sei é cedo pra fazer o almoço, mas durante o dia ela tinha muitas coisas a tratar. Dava banho e comida para as crianças, leva-as para a escola. E lá ia ela fazer de tudo um pouco: um dia ela passava roupa, no outro ela cozinhava e assim ela fazia bico onde dava ou pelo tempo que valia a pena.

    Ela era solteira, não tinha marido e ninguém para lhe ajudar, mas enquanto havia serviço ela trabalhava. Todos os dias chegava cansada em casa, respirava fundo e tirava força de onde não tinha, para dar atenção para suas crianças. Uma grande mulher, simples, verdadeira. Sonhava um dia em se casar, em dar um pai para suas crianças.

Conseguiria ela achar  um marido?

Sim                                                                               Não